Advogado, como você está trabalhando sua marca para atrair mais clientes?

August 11, 2018

 

O marketing jurídico trata-se de adaptar as estratégias de marketing às limitações do Código de Ética da OAB. Não é porque existem tais limitações, como não poder anunciar em TV, outdoor, rádio, que você não pode divulgar seus serviços. Uma ótima opção para você é uma estratégia chamada marketing de conteúdo. Além dele temos a identidade visual, anúncios pagos em estratégia online dentre outros. Continue lendo e saiba mais. 

A “isca” para o seu público 

O marketing de conteúdo não precisa de nenhum dos meios de comunicação citados acima pois é seu conteúdo relevante (o que você advogado irá pesquisar e escrever) que servirá de “isca” para seu cliente quando surgir um a dúvida e ele fizer uma busca no Google, por exemplo. Sendo assim o marketing de conteúdo é aprovado pelo código de ética da OAB. Vale somente lembrar que é uma estratégia de médio e longo prazo e por isso para que se colha os resultados é preciso frequência e readequação constante da estratégia. 

Enfatizemos que os artigos que se destinam ao seu público são diferentes dos artigos jurídicos e da linguagem usada nas petições. Aqui você deve falar a língua do seu público evitando jargões, sendo claro e objetivo e escrevendo nem muito nem pouco, apenas o necessário para o entendimento dos seus clientes. Não se esqueça de pedir feedbacks sobre os conteúdos, tanto de outros advogados quando de quem não é advogado pois todos devem conseguir entender o que você escreveu. 

Essa estratégia gera autoridade, já que tano seus clientes como outros profissionais vão começar a vê-lo como referencia quando se tratar de determinado nicho da Advocacia. 

A “roupa” do seu negócio 

Você como advogado sabe a importância de se apresentar bem: o uso do terno, cabelo sempre arrumado dentre outros detalhes. Com seu negócio não seria diferente. É imprescindível se atentar à identidade visual do seu negócio, ou seja, a cara que ele tem, a “roupa” que ele veste, como ele fala e se apresenta. Não basta ser bom, tem que parecer bom. Por isso invista nos itens: 

  • Logotipo;  

  • Papelaria (cartão de visitas, papéis timbrados, etc); 

  • Presença digital (site e blog, perfis de redes sociais, frequência das postagens e artigos); 

Outras estratégias que podem ser usadas são os anúncios online (Google e outras redes sociais como LinkedIn, Facebook e Instagram), participação em eventos e feiras de preferência como palestrante, participação em fóruns como no site JusBrasil, grupos no LinkedIn e grupos do seu nicho no Facebook.  

Lembre-se sempre de conhecer seu público para saber o que é conteúdo relevante para ele. Converse, pergunte tanto para seus clientes como para seus funcionários sobre o que pode ser feito para esclarecer as dúvidas dos clientes, como solucionar os problemas deles e entregar o melhor serviço. 

 

 

Fontes:  

http://www.migalhas.com.br/dePeso/16,MI245273,41046-A+publicidade+na+advocacia  

https://marketingdeconteudo.com/marketing-juridico/ 

https://advogadobh.jusbrasil.com.br/artigos/123151414/marketing-juridico-e-diferente-de-propaganda-e-publicidade-juridica 

https://faustorjrc.jusbrasil.com.br/artigos/524580024/publicidade-vs-propaganda-na-advocacia  

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Criação de Logo Lilia Belinschi Store

June 4, 2018

1/5
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook
  • Instagram

Atendimento:

contato@marquespubli.com.br | 34 9 9224 9516

Segunda à Sexta de 9h às 18h.

CNPJ 29.859.046/0001-42​

© 2020 por Marques Publi Marcas de Impacto

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now